domingo, 19 de setembro de 2010

Para ti.

Caminho na corda bamba da razão,
a loucura que te torna irreal,
a solidão que me turva o olhar...
Amarrei-me a ti, certeza que fugiu,
a ti, que te escondes para um dia me amares.

18 comentários:

Canto da Boca disse...

Será que não és tu que se esconde, até de si?

Um beijo!

;)

Insana disse...

As vezes nada é real.

bjs
Insana

O Árabe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
O Árabe disse...

A corda bamba da razão... são tantas as vezes em que os sentimentos sobre ela nos colocam! :) Bom resto de semana.

m * disse...

tão lindo :|

Phoenix disse...

canto da boca: talvez...talvez...:P às vezes esconder-me é a única maneira de me proteger e de voltar a amar..**

insana: ha que tornar entao tudo isso em real =)*

árabe: infelizmente tens razão...e o mais difícil está em ter coragem para dar um passo quando o vazio está tao perto, quando a queda
está tao iminente..*

m* obrigada querida =)*

Miltextos disse...

Hai-kai...

Brisa disse...

A solidão turva os sentidos.
Valerá a pena amarrar a um passado que numa certeza fugiu? será q se esconde para um dia te amar? é preferível não ter ilusões e caminhar ao encontro de um novo amar.

Em poucas palavras dizes muito
Lindo

Beijo

Phoenix disse...

mil textos: um dia vou descobrir o que isso quer dizer :P

Brisa: nao, nao vale mesmo a pena...às vezes sinto que quero ter essas ilusões e sai-me um poema assim, mas sei que não...alguém se esconde para me amar, mas não será o mesmo de anteriormente de certeza :)*

Batom e poesias disse...

Joana
Lindo poema de amor, que ainda tem esperança.
Sei bem...
Bj

Rossana

Flor de Lys disse...

Ando pensando enlouquecidamente acerca da loucura... naveguei afogada em teu texto!

Beijo!

Álly...

seguindo...

m * disse...

obrigada , tu sabes sp o que dizer , e isso +e incrivel , obrigada mesmo !


beijinho *

São disse...

Gostei muito do poema. Mas, felizmente, ainda tem muito futuro para encontrar quem se esconde.

Um feliz domingo.

A.S. disse...

É tão ténue a linha que separa a realidade da fantasia!
É tão instável a corda bamba da razão!
É tão fácil esconder-se uma realidade incómoda!


Experimenta acreditar nas pessoas e nas coisas, começando por acreditar em ti própria...

BjO´ss
AL

Canto da Boca disse...

Vim deixar um beijo e desejo de dias felizes!

;)

Paula disse...

Ás vezes a essencia está em entender que é preciso que uma grande parte de nós deve ficar caída a arrastar-se pelo chão infinitamente. Só uma parte é que deve seguir em frente nao o todo!

O Árabe disse...

Aguardando o novo post, desejo-te uma boa semana!

m * disse...

Tento sorrir , juro q tento , tento ser forte , e às vezes resulta , resulta mesmo , mas de outras vezes vou abaixo . Mas não importa , tento ver isto como uma aventura . Obrigada pelas palavras , do fundo do coração *