quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

A noite caiu,
rasgos de luz que a cortam,
despedaçada na escuridão...
A chuva, essa também se desfaz.

4 comentários:

PauloSilva disse...

É mesmo isso, Joana :)

Um pouco doloroso este poema, mas no entanto não deixa de ser belo. Todos nós temos momentos assim :x

Juliane S. Rocha disse...

Triste quando a beleza se desfaz assim.
Beijos

A.S. disse...

 Noite, todas as emoções são mais intensas!...

Beijos...
AL

Mia disse...

odeio sentir.me assim, nao sei o que fazer com os pedaços que restam... beijinhos